Arquivo para Tag: planejamento

Já falamos nesse artigo sobre como montar o planejamento de marketing da sua empresa e ter uma visão mais macro do seu negócio.

Porém, se você já montou o planejamento de marketing e partiu para a parte operacional, “mão na massa”, deve ter pensado “como montar agora um plano de ação?

Criar um plano e trabalho atrelado as datas comemorativas é uma excelente oportunidade para quem deseja alavancar seus negócios em determinados períodos e celebrações do ano.

Dificilmente você vai encontrar um empresário ou gestor que não venda mais no Dia das Mães e não veja o faturamento subir na Black Friday, por exemplo.

Seja qual for o modelo da sua empresa, aproveitar as datas comemorativas, e também as sazonalidades, para orientar o planejamento, pode resultar em ações com mais apelo de engajamento e conversão.

Isso, porque, elas são ótimas para fortalecer a sua marca, aumentar o vínculo com seus clientes e melhorar as vendas.

Atualmente, as datas comemorativas mais importantes para a grande maioria são:

  • Páscoa
  • Dia das Mães
  • Dia dos Pais
  • Dia das Crianças
  • Black Friday
  • Natal

Essas duas últimas são consideradas as mais relevantes.

Mas também existem outras especiais, como Dia dos Namorados, Dia do Livro, Dia do Rock. Tudo depende do segmento e estratégia da sua empresa.

O Calendário de 2022 está repleto de oportunidades para você aumentar o faturamento da sua empresa, se diferenciando da concorrência. É importante entendermos que promoções e ações sazonais funcionam muito bem para dar um empurrãozinho naquele contato que está em cima do muro.

Leia também:

Para ter sucesso nas campanhas de datas comemorativas, independente do segmento, é importante estar atento a alguns detalhes: um bom planejamento é indispensável para dar direção à ação estratégica que será adotada pelo seu negócio. Afinal, quando se tem um caminho claro a seguir, ganha-se tempo e dinheiro!

Diante disso, trago neste post algumas dicas para que você consiga aproveitar as datas comemorativas e as sazonalidades para atrair, se relacionar e vender muito mais.

Como criar um planejamento com cronograma?

Passo a passo para o plano:

1– Mapear as datas comemorativas

Hoje temos data comemorativa para tudo e todos: Dia do Meio Ambiente, Dia Mundial da Água, Dia da Secretária, Dia do Médico, Dia do Advogado, Dia do Planeta e, pasmem, tem até Dia da Toalha, Dia do Cotonete e Dia da Praça!

Essas datas são ótimos gatilhos para você promover sua empresa e criar conteúdo e ações originais e criativas, atreladas ao seu negócio.

Embora o ano tenha muitas datas importantes, nem todas serão relevantes para o seu negócio. Por exemplo, uma loja que vende roupas apenas para adultos, não precisa pensar em ações para o Dia das Crianças.

Por isso, identifique as datas comemorativas que representam eventos e e momentos significativos para o seu segmento e que fazem sentido para a sua persona e o posicionamento da sua marca.

2– Analise o mercado e a concorrência

Buscar inspirações no mercado e até mesmo junto à concorrência pode auxiliar a estimular a criatividade para criar ações inéditas, que vão despertar o interesse e a curiosidade do público de conhecer a sua marca e o que ela tem a oferecer de vantajoso.

Além disso, analisar uma ação que já foi consumida pelo mercado é um meio de saber por onde começar, como identificar ações que tenham boa repercussão e evitar abordagens que possam não ter o efeito almejado.

3– Fazer um resgate histórico

Se sua empresa já está no mercado há no mínimo 1 ano e já realizou qualquer tipo de ação de marketing, o resgate dessas ações pode trazer referências valiosas.

Avalie os meses do ano em que as vendas são mais altas e os meses em que as vendas não são tão expressivas. Identifique as razões para esses resultados e avalie o comportamento geral do seu consumidor.

Dessa forma, você saberá em quais períodos há uma aderência mais forte do seu público, conseguirá planejar o futuro com base em dados concretos do passado e terá um norte mais bem definido.

Seja nos formatos mais tradicionais, as datas comemorativas podem já ter sido foco de um planejamento anterior de marketing, agilizando assim a elaboração do planejamento deste ano.

Agora, se você está começando, tente fazer esse mesmo exercício olhando para concorrentes e negócios parecidos com o seu. Assim, fica mais fácil escolher em quais datas você irá fazer campanhas sazonais.

4– Definir uma campanha especial

Agora é o momento de definir o propósito e o formato em que as ações serão trabalhadas:

VENDAS?

Datas para ações comerciais: algumas datas comemorativas são importantes para o comércio e não devem ficar de fora, pois o seu concorrente provavelmente fará alguma ação nesse período. Como o mercado investe agressivamente nessas datas, a dica aqui é ir além do desconto e ser criativo para chamar atenção.

Exemplo #1 –  Loja de chocolate gourmet

  • Data Comemorativa: Páscoa
  • Ação: post sobre os benefícios do cacau + CTA para conhecer a linha de chocolates puro cacau da marca
  • Propósito: conteúdo topo de funil para atração, mas com gatilho para aumentar vendas
  • Formato: post em tópicos, rico em imagens, promovido no blog e redes sociais.

Exemplo #2 –  Clínica de estética

  • Sazonalidade: período de frio, onde as vendas de depilação caem
  • Ação: cupom de 20% de desconto na depilação com cera de mel
  • Propósito: é uma oferta fundo de funil, focado na geração de leads e conversão em vendas
  • Formato: Landing Page, peça gráfica simples a ser promovida nas redes sociais e via email marketing com sua base.

Exemplo #3 – Escola de culinária

  • Data Comemorativa: Dia da Gula
  • Ação: Landing Page com 3 receitas irresistíveis com morangos
  • Propósito: conteúdo de meio de funil, para relacionamento com a base
  • Formato: conteúdo estilo ebook, link para vídeo e divulgado para a base de leads via campanha de email marketing.

BRANDING?

Datas para fortalecer a imagem da empresa: datas em que a empresa pode fazer alguma menção apoiando ou celebrando uma causa e que não necessariamente precise envolver uma promoção ou dar descontos. Dessa maneira, sua empresa reforça a imagem na mente dos seus consumidores, que poderão lembrar de você da próxima vez que precisar do seu produto ou serviço.

Exemplo #4 – Qualquer empresa

  • Data Comemorativa: Dia mundial do doador de sangue
  • Ação: banner estimulando a doação de sangue.
  • Propósito: conteúdo para relacionamento com a base e fortalecimento da marca
  • Formato: peça gráfica simples a ser promovida nas redes sociais

5 – Elaborar plano de execução

Depois de saber o que e por que fazer, é preciso definir como e quando fazê-lo, pois o planejamento da execução é tão importante quanto a definição da pauta e do planejamento de ações.

Sem planejamento, fica difícil organizar ações de marketing em datas sazonais. Por mais que uma estratégia seja eficaz, ela só vai funcionar se houver uma programação bem estruturada e pensada com antecedência.

Verifique seu calendário para garantir que tenha tempo suficiente para planejar e executar as ações de marketing e que você esteja deixando espaço suficiente entre as promoções.

Em vez de deixar para promover a ação no dia que ela começar, procure estabelecer um senso de antecipação. Fale dela alguns dias ou semanas antes e mostre o que os clientes podem esperar. Isso é algo feito com muita frequência durante a Black Friday. Inclusive, veja o conteúdo deste artigo que criamos 1 mês antes do Black Friday do ano passado com o propósito de estimular as vendas dos nossos serviços da agência.

Confira o Calendário 2022 e planeje-se!

Pode parecer clichê, mas o planejamento é o coração de uma boa estratégia de marketing.

Sendo assim, quebrar a cabeça para elaborar um planejamento bem embasado e estruturado e prezar pela produção de textos e peças relevantes e de qualidade deve ser visto pelas empresas como um verdadeiro investimento.

Portanto, se ainda não planejou e antecipou suas ações, corre que ainda dá tempo! Estamos no começo do ano ainda e você já pode planejar suas ações até o final do ano. Quanto antes, melhor!

Quer uma ajudinha?

Baixe grátis o Calendário 2022 com a datas comemorativas para te ajudar no plano:

 

Este artigo sobre calendário promocional foi útil? Então aproveite para compartilhá-lo nas redes sociais e ajude outros profissionais a entenderem mais a respeito do assunto! 😉

Aproveite e faça como os 5.347 inscritos: assine grátis nossa newsletter abaixo e faça parte da nossa lista VIP:

 

Continue nos acompanhando em nosso blog, fanpage, instagramlinkedIn para receber mais dicas que irão ajudar seu negócio 😁

#TakeIote #TakeIdeias

 

 

Se seus resultados estão estagnados e sua empresa não consegue gerar um ROI positivo, talvez esteja na hora de repensar o planejamento e o direcionamento das suas ações de marketing.

Já no penúltimo mês do ano e já está mais que na hora de planejar o orçamento de 2022.

Mas você já parou para pensar onde está o seu investimento de marketing? Você já fez um planejamento estratégico?

Se ainda não fez, pare tudo!

Você pode estar em um buraco maior do que imagina. Digo isso porque se a sua empresa não sabe onde quer chegar e não tem um planejamento para isso, qualquer ação pode parecer fazer sentido (ou não).

Independente do tamanho do seu negócio, “o planejamento de marketing auxilia no controle de gastos e no registro de ações para aumentar o número de vendas, por exemplo”,

– diz Marcos Bedendo, professor de marketing estratégico da ESPM.

Muitas vezes somos ansiosos e queremos já colocar a mão na massa. Mas a verdade é que, se você quer atingir os objetivos da sua empresa, é necessário traçar metas, e para traçar metas, devemos bolar um plano. Não é mesmo? O plano servirá como um mapa para que sua empresa chegue ao seu “destino”.

Quando você realiza um planejamento claro com cronograma e direcionamento para os próximos meses, as chances do resultado das ações serem mais assertivas são altas.

Dependendo do porte da sua empresa, isso pode significar a economia de milhares de reais ou um aumento no faturamento de milhões.

Vale fazer essa reflexão!

Então, pare e comece a pensar em estruturar a estratégia do seu negócio para que possa de fato impactar seus resultados no próximo ano.

Nunca é tarde para definir propósitos, objetivos, metas e resultados. Se precisar de uma mãozinha, conte conosco!

Um exemplo de planejamento de marketing pode conter coisas como:

  • Desenvolvimento de materiais de apoio para o time comercial
  • Criação e ajustes no site para aumentar sua conversão e performance
  • Reposicionamento da marca e identidade visual da empresa para geração de valor
  • Criar anúncios segmentados para alcançar o público alvo de forma mais rápida e eficaz
  • Aumentar a rede de relacionamento e engajamento com clientes nas redes sociais
  • Desenvolver conteúdos de qualidade no blog para que sejam encontrados nos sites de busca orgânica, se tornar referência no segmento e aumentar as visitas no site
  • Gerar leads nas etapas da jornada de compra, a fim de converter leads iniciantes mas também leads com bastante maturidade para vendas
  • Trabalhar essa geração através de materiais ricos e landing pages
  • Fazer automação de marketing afim de preparar os leads para o momento da compra, de acordo com o seu perfil e interesse, sempre trazendo para o fundo do funil, próximo a venda
  • Nutrir, se relacionar e divulgar as ofertas da empresa com seu público através de envios de e-mail marketing
  • Acompanhar e analisar os resultados a fim de encontrar melhorias e oportunidades de otimização

….quanta coisa!

Por isso é hora de criar ou repensar o seu planejamento de marketing.

Para te ajudar, nós montamos um passo a passo resumido de como criar um Planejamento de Marketing de Sucesso:

Vamos lá:

1- Analise a Empresa, Mercado, Público e Concorrente

Algumas informações norteadores do planejamento são os itens de identidade organizacional da sua empresa. Os 3 mais importantes são: Missão, Visão e Valores. A partir dessas informações vamos conseguir definir e planejar metas.

Avalie também quais são os fatores externos e internos que podem influenciar a sua empresa. É preciso analisar o mercado do segmento e o produto e ver quais são as capacidades do negócio. Anote suas forças e fraquezas (análise SWOT) e o capital disponível para ações de marketing.

Além disso, entenda quem são seus clientes. Às vezes, o público alvo ideal não é o consumidor. Você pode ter como objetivo atender a classe A, mas o seu consumidor é o C, ou vice versa. Para isso, devemos desenhar o persona da sua empresa com descrições detalhadas e específicas. Não queira ser abrangente demais, para não pulverizar os seus esforços.

Depois disso, avalie de maneira detalhada quem são e quais são os objetivos dos seus principais concorrentes. Veja o que estão fazendo e o que você pode fazer melhor para se diferenciar.

Dica: se você se diferencia, você deixa de ter concorrentes diretos e aumenta o seu valor de marca. 😉 Portanto, encontre seu diferencial estratégico!

2- Trace suas Metas e Objetivos

Todas as suas ações de marketing devem ser miradas para atingir o tipo de retorno que você precisa obter. E toda meta deve ser pertinente com o seu nicho, sua estratégia, perfil da empresa e do público-alvo.

Por exemplo, se o objetivo for aumentar a exposição da marca, trabalhe com branding, rede de display, peças institucionais e o ações voltadas à essa meta. Se for aumentar as vendas, precisa entender de onde vem o faturamento de suas vendas e avaliar se o ideal é fazer com que os clientes comprem com mais frequência ou se a chave é buscar novos consumidores.

Lembre-se: o sucesso está nos detalhes e, para atingi-lo, é preciso dar um passo de cada vez.

Aqui, simplicidade e foco resumem tudo.

3- Defina suas Estratégias e Ações

Para cada meta definida, faça uma projeção de ações para alcançar o resultado planejado.

É hora então de avaliar quais medidas serão adotadas pela empresa: em quais canais deve estar, se investe em anúncios, quais materiais e artes serão necessárias, o tipo de conteúdo a ser desenvolvido, a periodicidade disso, se haverá promoções, quais serão as ofertas, e por aí vai.

Precisamos ter ações e diretrizes para alcançar o que planejamos.

Se está com dúvidas de como começar, faça o Raio-X do Marketing da sua empresa. Essa ferramenta te dá um relatório com pontos positivos e negativos do seu marketing atual e te aponta melhorias.

4- Estabeleça um Cronograma

Chegou a hora de criar um cronograma com as estratégias e ações definidas.

Recomendo que a sua projeção seja feita para no máximo 1 ano, mas se você estiver começando ou estiver em um mercado incerto, pode fazer a cada 3 ou 6 meses.

Se você já fez um planejamento anterior, avalie

  • o que deu certo nos últimos meses
  • o que foi feito e
  • o que falta fazer para alcançar seus objetivos.

Um dos principais problemas com o cumprimento do planejamento de marketing são os prazos não respeitados.

Portanto crie uma planilha, uma ferramenta ou um documento que esteja detalhado as ações e estratégias dos próximos meses, com datas, os responsáveis e as periodicidades. Controle-o diariamente e identifique com antecedência possíveis rupturas, para evitar atrasos e possíveis prejuízos.

Aproveite e faça um calendário com datas comemorativas e sazonais. Veja o passo a passo neste artigo: Plano de ações: como usar as datas comemorativas para vender mais

5- Mensure os Resultados

Por fim, se você planejou e executou, precisa acompanhar os resultados e entender se eles estão saindo conforme planejado, pois assim pode realizar ações corretivas e pensar em novas estratégias para realizar no lugar de algumas que podem não estar dando certo.

Tão importante do que ter sua estratégia estruturada é ter a certeza de que ela:

  • está sendo bem executada,
  • que seus indicadores estão sendo bem acompanhados e,
  • acima de tudo, que as metas traçadas foram alcançadas.

Avalie qual a periodicidade necessária de avaliação desses resultados.

E-commerces e grandes portais, por exemplo, precisam ficar de olho no comportamento dos seus visitantes em tempo real, para identificar possíveis mudanças que possam indicar oportunidades ou riscos a serem evitados.

Mas dependendo do seu segmento, porte e periodicidade das ações, 1 vez por trimestre pode ser o suficiente. O importante é manter uma consistência no acompanhamento dos resultados.

Uma vez por mês é a periodicidade que geralmente nós aqui da Mkt Ideas mantemos com nossos clientes, assim conseguimos uma janela boa para avaliar resultados mais palpáveis e mensuráveis e gerar insights valiosos e concretos para as estratégias.

6- Reavalie sempre!

Todo planejamento de marketing não tem fim, por isso é recomendável que ele seja revisado, refeito e atualizado com dados como número de vendas, faturamento, rentabilidade e outros indicadores importantes de desempenho.

O consumidor e o mercado mudam o tempo todo, por isso é importante sempre manter seu planejamento atualizado com o cenário do momento.

Boa sorte!

Dica Plus: Sempre procure por empresas ou profissionais especializados

Você possui profissionais qualificados para estudar sua empresa, público alvo, mercado e construir o Planejamento Estratégico de Sucesso? Ou então uma equipe profissional para desenvolvimento das ações do seu Plano?

Se não, recomendo que você entre em contato conosco pra ontem. Vamos lá?

Nós estamos imersos todos os dias em ações de marketing e comunicação, por isso sabemos a melhor forma te de ajudar, com soluções eficazes e com foco em resultados concretos.

Se esse artigo foi útil de alguma forma para você, compartilhe em suas redes sociais e também cadastre seu email em nossa lista VIP:

Continue nos acompanhando em nosso blog, fanpage, instagramlinkedIn para receber mais dicas que irão ajudar seu negócio 😁

#TakeIote #TakeIdeias